Contato: (21) 9 7093-0565

Rio teve recorde de roubo de veículos em março

Aumento do roubo de carros deixa os seguros cada vez mais caros

O Instituto de Segurança Pública do Rio de Janeiro,  divulgou hoje os índices Criminais de Segurança do  Estado do Rio de Janeiro referente ao mês de março de 2018. Todos os dados são provenientes dos registros de ocorrências (RO) feitos em delegacias de Policia Civil do estado no Rio de Janeiro.

Os roubos de veículos cresceram bem, apresentaram  um aumento de 7,1% no mês de março deste ano se comparado ao mesmo período do ano  passado. Foram 5.358 roubos no terceiro mês do ano, 356 a mais do que o mesmo  mês em 2017. Foi o maior número registrado num mês em toda a série histórica. Ao dividir pelo número de dias do mês, temos mais de 10 roubos de veículos por dia.

 As  áreas que apresentaram o maior aumento foram Irajá, Colégio  (parte), Vicente de Carvalho, Vila Kosmos, Vila da Penha, Vista Alegre,  Anchieta, Guadalupe, Parque Anchieta, Ricardo de Albuquerque, Acari, Barros  Filho, Costa Barros, Parque Colúmbia e Pavuna, Belford Roxo e São  Gonçalo.

Resumo de alguns indicadores (março  de 2018):

• Homicídio doloso – Aumento de 1% em relação a março  de 2017 (498 em 2017 – 503 em 2018).
• Letalidade violenta (homicídio doloso, latrocínio, lesão  corporal seguida de morte e homicídio decorrente de oposição à intervenção policial)  – Redução de 2,9% em relação a março de 2017 (655 em 2017 – 636 em 2018).
• Policiais civis e militares mortos em  serviço – Aumento de três vítimas em relação a março de 2017 (1 em 2017 – 4 em  2018).
• Homicídio decorrente de oposição à intervenção policial  – Redução de 11,4% em relação a março de 2017 (123 em 2017 – 109 em 2018).
• Roubo de veículo - Aumento de 7,1% em relação a março  de 2017 (5.002 em 2017 – 5.358 em 2018).

O número de roubos de carga em março foi de 917, apenas 60 a menos do que em janeiro, com 977 registros. As comparações com 2017 não foram feitas pelo ISP porque, com a greve da Polícia Civil entre janeiro e abril, o órgão considera que pode ter havido subnotificação.

Intervenção

 De acordo com os dados do Instituto de Segurança Pública, a região da Vila Kennedy, onde houve operações frequentes das Forças Armadas, teve melhora nos indicadores.

Os números de roubos de veículos na região também diminuíram: a área registrou o menor número desde fevereiro de 2017. Foram 148 roubos de carros, ou 22 a menos em relação a março do ano anterior.

Proteção Veicular é a solução

A única solução para poder enfrentar esse cenário de medo é recorrer à proteção veicular. Com esses índices de roubo a veículos crescendo mês a mês, o preço dos seguros atingem as alturas. Está praticamente impossível fazer uma renovação diante desse cenário. Para não ficar desprotegido as pessoas estão recorrendo a cada vez mais às proteções veiculares, como forma de redução de custo e garantir ao mesmo tempo uma economia no seu orçamento.

Não ter proteção para ao seu veículo diante desse cenário é muito arriscado. Não deixe de contratar uma proteção para o seu carro, afinal é o seu patrimônio que custou muito para ser conquistado.

Peça uma cotação agora mesmo, basta informar seus dados,  que rapidamente responderemos!

Fonte: G1 e Secretaria de Segurança Pública.

Fechar Menu